terça-feira, 20 de julho de 2010

COLUNA LER, VER E OUVIR

PARA LER:


Primeira biografia de um dos escritores mais importantes da história da literatura portuguesa.

Na biografia escrita por João Marques Lopes acompanhamos a vida de José Saramago, desde o início de sua carrreira, das Crônicas d´ A Capital e do Jornal do Fundão, até o mais recente livro, Caim.

Falecido recentemente em 28 de Junho de 2010, José de Sousa Saramago nasceu em 1922, em Azinhaga, aldeia ao sul de Portugal, numa família de camponeses. Autodidata, antes de se dedicar exclusivamente à literatura trabalhou como serralheiro, mecânico, desenhista industrial e gerente de produção numa editora. Iniciou sua atividade literária em 1947, com o romance Terra do Pecado, só voltando a publicar em 1966. A partir de 1976 passou a viver de seus escritos, inicialmente como tradutor, depois como autor. Mas é com o seu terceiro romance, "Memorial do Convento", em 1982, que se consagra definitivamente.

Entre suas principais obras estão: O Evangelho Segundo Jesus Cristo (1991), livro censurado pelo governo português, o que levou Saramago a exilar-se em Lanzarote, nas Ilhas Canárias (Espanha), e, Ensaio sobre a Cegueira (1995), que foi adaptado para o cinema e lançado em 2008, produzido no Japão, Brasil e Canadá, dirigido por Fernando Meirelles (realizador de O Fiel Jardineiro e Cidade de Deus). Em outubro de 1998, Saramago ganha o prêmio Nobel da literatura, tornando-se o primeiro e único escritor de língua portuguesa a obter tal distinção. Também ganhou o Prémio Camões, o mais importante prémio literário da língua portuguesa.



PARA ASSISTIR:

É a África do Sul o cenário deste filme de ficção onde extraterrestres se refugiam numa favela, o Distrito 9. Há alguns anos, os aliens fizeram seu primeiro contato com a Terra. Os humanos esperavam que a raça fosse hostil e proporcionasse um ataque ao planeta. Nada aconteceu. Ao invés disso, as criaturas pediram abrigo, já que são as últimas sobreviventes de seu planeta natal. Ao expandirem o seu território, o governo começa a agir e contrata a MNU, uma empresa que tenta controlar os alienígenas e mantê-los em campos de concentração; são obrigados a viver no ostracismo e proibidos de sair até que os humanos decidam o que fazer com eles.



A obra foi Indicada ao Oscar nas categorias de Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Edição e Melhores Efeitos Visuais; ao Globo de Ouro, na categoria de Melhor Roteiro; ao BAFTA, nas categorias de Melhor Diretor (Neill Blomkamp), Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Direção de Arte, Melhor Som, Melhor Edição e Melhores Efeitos Especiais.



PARA OUVIR:

Em se tratando de vendas póstumas, Raul Seixas está para o Brasil, assim como Elvis Presley está para os EUA – o fenômeno imortal do rock brasileiro é garantia de vendas como ocorreu nos seus 20 anos da morte, celebrados em 2009.

Em comemoração aos 65 anos que Raul Santos Seixas completaria em 28/06/2010, aUniversal lança o box “10.000 anos à frente”, com seis álbuns de Raul – sua estreia solo “Krig-ha, bandolo!”, acompanhado dos também essenciais “Gita”, “Novo aeon” e “Há dez mil anos atrás”, além de dois discos de versões de clássicos do rock “Raul rock Seixas” e “30 anos de rock”. Os discos de inéditas marcam a fase de ouro do Maluco Beleza e sua parceria com Paulo Coelho.

Vendo e ouvindo os álbuns juntos, é possível entender melhor a carreira de Raul e sacar um pouco do seu projeto estético, filosófico, mistico e despojado. Além disso, os álbuns vêm com faixas-bônus, como “Caroço de manga”, da trilha sonora da novela “A volta de Beto Rockfeller”.

Raulzito foi e ainda é acusado de ser satanista, porém ele era “panteísta”, e, como os hinduístas, acreditava que deus está em tudo na natureza, como se pode observar muito claramente na música “Gita”. Mas muitos não entenderam que a questão com o diabo era mais uma provocação e até uma brincadeira com a religião cristã, que é mais uma no mundo que se presumi a única correta. Sendo panteísta não teria como ele crer no diabo, já que não cria no deus cristão.

1 comentários:

ROVIRO disse...

Parabéns, belo comentário sobre este que é singular, Insubstituível !!!!!

Postar um comentário

 
Photography Templates | Slideshow Software